Ação Social: catadores da Iputinga recebem cestas básicas na SEDUH
21.06.2021

 Como parte das ações previstas na Agenda Ambiental da Administração Pública (A3P), a Gerência de Programas e Estudos Ambientais da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Pernambuco (Seduh) desenvolve uma importante ação que tem impactos sociais, econômicos e ambientais na comunidade onde está instalada a sede do órgão, no bairro da Iputinga. Famílias em situação de vulnerabilidade recebem atenção especial da Secretaria através de um programa de coleta de material reciclável e doação de cestas básicas.

 
A sétima entrega foi realizada na quarta-feira (16) na sede da Seduh-PE. As cestas possuem, além de alimentos, itens de higiene pessoal e de limpeza. Para Ana Gama, gerente de Programas e Estudos Ambientais, o trabalho desenvolvido junto às famílias trouxe ganhos para a comunidade. “Quando a Seduh foi transferida para a Iputinga, percebemos que poderíamos atuar pela valorização do cidadão e preservação do ambiente local. Cadastramos 33 catadores avulsos que coletam os materiais acumulados na comunidade, no nosso prédio e no Detran para que, posteriormente, eles possam negociar com empresas de reciclagem. Tiramos essas pessoas da invisibilidade, reforçamos a renda familiar delas e ainda contribuímos com o meio ambiente”, explica.
 
A educadora ambiental da Seduh, Heloísa Helena Assunção, destaca as mudanças sociais percebidas desde o início do programa. “Os moradores passaram a respeitá-los, o comportamento dos catadores atendidos mudou para melhor”, afirma. “Nas unidades de trabalho da Secretaria e do Detran colocamos caixas coletoras de material reciclável e conscientizamos os servidores para que façam a separação correta”, acrescenta Heloísa. Os catadores também receberam capacitação graças a uma parceria da Seduh com a Secretaria de Trabalho, Emprego e Qualificação (SETEQ) e Companha Nacional de Abastecimento (Conab), que viabilizou o espaço para realização da qualificação.
 
PARCERIA – A entrega das cestas básicas realizada nesta quarta contou com a parceria do Instituto Educacional para a Vida Sustentável – Educavida, uma associação civil sem fins lucrativos que atua com foco no desenvolvimento social e sustentabilidade. “Nesta ação, chamada de ‘Peixamento’, estamos levando uma ajuda para famílias que estão passando por dificuldades. Devemos ensinar a pescar em vez de dar o peixe, mas como ensinar neste momento difícil que estamos passando?”, reflete a diretora voluntária Clara Vieira. Além da Educavida, a Seduh já realizou entrega de cestas básicas com o apoio da Cáritas Brasileira, Meu Mundo Verde, Fórum de Lixo e Cidadania, Prefeitura da Cidade do Recife, UPE, e Detran.
 
Voltar